PUBLICIDADE

Fitness – Classe C é a que mais se exercita em academias

Pesquisa realizada pelo Data Popular aponta que o Brasil é o maior mercado do segmento na América Latina

Os brasileiros da Classe C são os que mais frequentam academias. Segundo um estudo realizado pelo Data Popular, mais das metade (52%) dos alunos dos estabelecimentos pertence à chamada nova classe média. A pesquisa mostra ainda que o país é o segundo maior mercado no mundo deste tipo negócio e o primeiro na América Latina.

Leia mais…

Cosméticos poderão interferir nos genes da pele

Novos produtos prometem combater o envelhecimento das camadas mais profundas da cútis e melhorar a aparência da pele.

Cientistas da Procter & Gamble, através da tecnologia Chips, conseguiram analisar o processo que ativa ou não determinados genes em tecidos de peles jovem e envelhecida. “Pela primeira vez, nós identificamos os atalhos-bioquímicos-chave que diferenciam a pele jovem da envelhecida”, conta Rosemarie Osborne, principal cientista da divisão P&G Beauty & Grooming.

“Usando a genômica e os modelos de células humanas, nós atingimos novos patamares no que é possível em termos de cuidados da pele”, diz Osborne. De acordo com a cientista, esse conhecimento molecular vem sendo aplicado para a identificação de novos ingredientes de uso tópico que estimulam uma resposta das moléculas envolvidas no envelhecimento da pele. “Estamos efetivamente revertendo o processo de envelhecimento”, ressalta.

Leia mais…

Especial para eles – Cosméticos feitos sob medida para o homem ganham espaço nas prateleiras

Já se foi o tempo em que homens não tinham vez quando o assunto era estética. De maneira geral, a composição dos cosméticos para o público masculino difere do feminino na variação de componentes e na concentração — eles atuam com mais intensidade na pele do homem ou na área a ser tratada, dependendo do caso. Para os dermatologistas, homens que buscam tratamentos estéticos geralmente procuram melhorar a aparência do rosto. “Eles dão maior atenção à área dos olhos e da testa, para minimização de rugas e rejuvenescimento facial”, explica o dermatologista Erasmo Tokarski.

Leia mais…

Marketing Olfativo se estabelece como alavanca de vendas

Marcas vêem oportunidade para impactar consumidor de forma diferente e obter receita extra


O Marketing Olfativo tem se ampliado e amadurecido no Brasil. A criação de identidades para as marcas a partir dos cheiros tem sido tão bem sucedida que, em alguns casos, os consumidores chegam a querer levar os aromas dos pontos venda para suas casas. A oportunidade foi percebida por empresas como Equus e Any Any, que extenderam suas linhas e criaram um elo com os consumidores fora das lojas a partir de produtos que carregam a essência das marcas.

Leia mais…

Lojas sem vitrine atraem consumidores

Havaianas, Chilli Beans, Santa Lolla e Puket apostam no formato para gerar mais interatividade no ponto de venda

Uma loja sem vitrine. A princípio, é difícil de imaginar, mas esta tem sido a estratégia de marcas como Havaianas, Chilli Beans, Santa Lolla e Puket, que já nasceram com pontos de venda neste formato. Por em prática uma iniciativa como essa exige das empresas a observação de alguns cuidados, que vão desde a disposição dos produtos até o treinamento dos vendedores para proporcionar uma experiência de compra diferenciada ao consumidor.

A vitrine tradicional tem o objetivo de atrair os olhos dos clientes, seja com lançamentos, contando a história das marcas ou produtos. Algumas vezes, ela pode ser subentendida como uma barreira entre o consumidor e a loja. Por isso, há empresas que preferem trabalhar com o conceito de lojas sem vitrine para dar mais liberdade ao consumidor e facilitar o acesso aos produtos.

Leia mais…

Alta no mercado de beleza impulsiona a qualificação profissional

Beneficiado pela demanda, Instituto Embelleze cresce 28% no primeiro trimestre

A projeção positiva do mercado de beleza em 2011 está alavancando a busca por qualificação profissional. Com o mercado aquecido, favorecido pelo aumento da oferta de serviços de beleza no país, mais pessoas estão investindo em profissionalização para se destacarem nessa área promissora.

Segundo dados divulgados pelo Instituto Embelleze, a maior rede de cursos profissionalizantes na área de beleza da América Latina, o número de matrículas no primeiro trimestre deste ano cresceu 26%, em comparação ao mesmo período de 2010. O centro de formação profissionalizante chegou à marca histórica de 50 mil novos alunos nestes três primeiros meses do ano. O crescimento foi de 28% no faturamento, superando todas as expectativas.

“Nos últimos anos houve um boom do segmento de beleza, pois o poder aquisitivo das famílias aumentou, e elas passaram a investir mais no bem-estar. Por outro lado, há uma carência de profissionais especializados para trabalhar com serviços de beleza, esse fator vem impulsionando o crescimento do Instituto Embelleze”, comenta o principal executivo da rede, Paulo Tanoue.

Leia mais…

Investir em embalagens diferenciadas é uma importante estratégia para promover marcas

 

Mesmo perseguidas, sacolas se afirmam como ferramentas de Marketing

Foi-se o tempo em que lugar de sacola era em casa ou no lixo. Cada vez mais criativas, as embalagens são verdadeiros outdoors ambulantes, que promovem marcas e transmitem a identidade das empresas. Com o aumento da demanda por ações sustentáveis, elas também representam uma oportunidade para as marcas que desejam criar sacolas retornáveis para manter-se por mais tempo nas ruas e na vida dos consumidores.

Leia mais…

Brasil vira líder mundial no mercado de perfume

O Brasil superou os Estados Unidos e tornou-se líder mundial no mercado de perfumes em 2010. Dados da consultoria Euromonitor apontam que as receitas com fragrâncias em território brasileiro dispararam 33% no ano passado, de US$ 4,5 bilhões para US$ 6 bilhões. Enquanto isso, as vendas no mercado americano somaram US$ 5,3 bilhões.
O consumo de perfumes no Brasil se concentra, principalmente, em marcas populares, que respondem por 93% das vendas no país, de acordo com a consultoria. As empresas líderes do setor são Natura e O Boticário que, juntas, detém 60% de participação do mercado brasileiro.

Se for levado em conta, além do crescimento do mercado nacional, a valorização do real – que favorece o Brasil na comparação com outros países, feita em dólar –, as vendas subiram 18,4% em 2010, como aponta o sindicato do setor.

Fonte: Jornal do Commercio – RJ

Varejo espera 6% de crescimento nas vendas para o Dia das Mães

Segundo a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), as vendas do varejo para o Dia das Mães neste ano deverão crescer 6% em relação ao mesmo período do ano passado. O gasto médio com presentes deve ser de R$ 80,00, considerando-se as vendas entre o último sábado de abril e o primeiro de maio.

Os segmentos que devem ser mais procurados neste ano são vestuário e calçados; seguidos de perfumaria; jóias e semijóias. Os eletrodomésticos deverão ficar na quarta posição no ranking de vendas, à frente de eletroeletrônicos de áudio e vídeo.

Já o comércio eletrônico deve faturar 20% a mais no Dia das Mães em 2011, ante o mesmo período do ano passado, de acordo com projeção da consultoria e-bit, divulgada na semana passada. A estimativa do setor é de chegar a um faturamento de R$ 750 milhões, nos dias 24 de abril a 8 de maio deste ano – no mesmo período do ano passado, foram obtidos R$ 625 milhões.

                                                                                                                                                                                         Fonte: Cosmetics Online

Mercado de beleza masculina cresce e ganha atenção de grandes empresas

As barreiras de gêneros estão perdendo a força e incentivando homens e mulheres a se aventurar em territórios antes considerados proibidos. Da parte feminina, muito já foi conquistado, já entre os rapazes, as novas gerações estão completamente interessadas em assumir as rotinas de cuidado pessoal com a estética. As academias estão aí pra isso já faz um tempo, não é verdade?

O consumidor de produtos de beleza vêm encontrando um saudável equilíbrio entre a afetada vaidade metrossexual e os antigos valores do machão tão em baixa na sociedade contemporânea. O mercado de cosméticos para homens é um segmento em crescimento e ganha atenção das grandes indústrias, que se movimentam para lançar linhas e produtos especiais para este novo perfil de consumidor.

A Nivea, por exemplo, tem um site “megabombado” com um divertido software que combina hábitos e tipos de pele com seus produtos e ensina os caminhos para manter a cútis perfeita. Marcas de luxo como Clinique e Biotherm oferecem uma série de loções e cremes para os meninos, o Acquapower é tudo! Das brasileiras, a Sete Cosmetics, o Boticário, a Contém1g e a curitibana Biotree também têm suas linhas especiais para os rapazes.

Fonte: Site Mens Beauty Show
Página 4 de 512345
Desenvolvido por: